Aterro zero: conheça os benefícios desta política

As pautas relacionadas à ecologia estão presentes na sociedade, exigindo uma nova postura das empresas. A pandemia de coronavírus fortaleceu essas discussões e mobilizou a coletividade a realmente repensar a forma como maneja suas condutas ambientais. Nesse contexto, a política aterro zero surge como uma possibilidade essencial para as empresas. 

A proposta do aterro zero é seguir os 5 Rs da gestão dos resíduos: Repensar; Recusar; Reduzir; Reutilizar e Reciclar. A inspiração do processo vem dos ciclos da natureza. Para que a empresa seja considerada bem-sucedida nessa política, é preciso que 90% dos resíduos dela sejam desviados de aterros e incineradores para destinações ecologicamente viáveis. Esse conceito surgiu nos anos 70 e foi criado pela Aliança Internacional Zero Waste.

Preparamos um conteúdo especial mostrando as vantagens da política aterro zero. Veja quais são esses benefícios a seguir!

Redução na quantidade de resíduos depositados em aterros

Os aterros sanitários são destinações adequadas. Contudo, eles apresentam limites de capacidade e realmente não resolvem completamente a questão do encaminhamento de resíduos. A proposta do aterro zero envolve evitar a geração de material para descarte, reduzindo ao máximo o impacto gerado sobre o meio ambiente. Assim, as quantidades encaminhadas para aterros convencionais são mínimas.

Diminuição dos impactos ambientais

Na política aterro zero, a corporação repensa os processos para diminuir a geração de resíduos e recusa ao máximo propostas com potencial fator de produção de material para descarte. Além disso, ela promove redução e reutilização, além de reinserir produtos recicláveis na economia. Essas propostas são muito positivas e reduzem o impacto ambiental que a companhia exerce sobre os ecossistemas.

Conservação e recuperação dos recursos naturais

A proposta de reutilização permite reinserir materiais no processo produtivo, muitas vezes, disponibilizando novos recursos para a produção. O resultado disso é que a empresa precisa retirar menos dos ecossistemas e pode recuperar recursos naturais.

Redução de custos com destinação, equipamento e pessoal

As propostas de repensar processos, recusar medidas com potencial gerador de grande volume de descarte e reduzir consumo possibilitam minimizar os custos com gestão e tratamento de resíduos. Isso também favorece a diminuição de investimentos com equipamento e força de trabalho para cuidado com essa área.

Incentivo ao consumo de produtos e serviços com o conceito resíduo zero

A política aterro zero trabalha na raiz do problema, focando na minimização da geração de resíduos. Com essa postura, a corporação oferece um bom exemplo para a sociedade, incentivando o consumo baseado na ponderação e na consciência ambiental.

Otimização do processo de gestão de resíduos com o aterro zero

O gerenciamento de resíduos é otimizado devido à adoção de uma política mais enxuta. Nela, evita-se criar um processo e um ciclo produtivo que tenham grande potencial de geração de resíduos. 

Redução nos riscos de acidentes e contaminações

Na política aterro zero, materiais tóxicos e contaminantes são reduzidos ao máximo no processo produtivo. A ideia é encontrar recursos mais viáveis e sustentáveis na composição do fluxo de operações.

Aumento da validação no mercado com o aterro zero

A empresa ganha uma grande credibilidade no mercado com a política aterro zero. Ela demonstra que tem responsabilidade ambiental e fica em coerência com as legislações relacionadas ao tema, evitando multas ambientais.

A política de aterro zero possibilita a redução na geração de resíduos de forma sustentável e proporciona reconhecimento da empresa pela sociedade. Implementá-la na organização envolve desafios, mas gera grandes potencialidades para a corporação e os ecossistemas. Assim, é a solução ideal para implementar no negócio e caminhar em sintonia com a legislação.

Gostou de aprender sobre a política aterro zero? Confira também nosso post sobre coprocessamento! 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Warning: Use of undefined constant CHORUS_USER_ID - assumed 'CHORUS_USER_ID' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/storage/3/d1/4b/reusa1/public_html/blog/wp-content/mu-plugins/chorus-core/integrations/index.php on line 23

Warning: Use of undefined constant CHORUS_HUBSPOT_SERVICE_URL - assumed 'CHORUS_HUBSPOT_SERVICE_URL' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/storage/3/d1/4b/reusa1/public_html/blog/wp-content/mu-plugins/chorus-core/integrations/index.php on line 24